Valor do seguro de carro no RJ é 28% maior do que em SP. Por que?

Brasileiro paga, em média, R$ 3.587 ao ano por um seguro automotivo

Reprodução

O brasileiro paga, em média, R$ 3.587 ao ano por um seguro automotivo. Mas, dependendo da região do Brasil, o valor varia entre R$ 8.720 e R$ 2.932.

No estado do Rio de Janeiro, por exemplo, o valor médio do seguro é 28% maior que em São Paulo, aponta pesquisa realizada pela TEx, empresa de tecnologia para corretoras e seguradoras. Os fluminenses gastam R$ 4.187 ao ano, enquanto os paulistas pagam R$ 3.273, valor abaixo da média nacional.

De acordo com Emir Zanatto, diretor de operações da TEx, a diferença de valor se deve à violência do Rio, que aumenta o índice de sinistralidade. “A variável de maior impacto no estado é o roubo. Há seguradoras, inclusive, que recusam o serviço dependendo da região em que o motorista for utilizar o veículo”, explica.

 

Estados Valores
Roraima R$ 8.720
Tocantins R$ 6.439
Mato Grosso R$ 4.985
Amapá R$ 4.648
Pará R$ 4.598
Acre R$ 4.501
Goiás R$ 4.436
Piauí R$ 4.193
Rio de Janeiro R$ 4.187
Amazonas R$ 4.121
Rondônia R$ 4.007
Alagoas R$ 4.005
Maranhão R$ 3.998
Mato Grosso do Sul R$ 3.919
Ceará R$ 3.895
Espírito Santo R$ 3.820
Bahia R$ 3.632
Distrito Federal R$ 3.563
Sergipe R$ 3.463
Rio Grande do Sul R$ 3.398
Pernambuco R$ 3.343
Minas Gerais R$ 3.320
Paraná R$ 3.298
São Paulo R$ 3.273
Paraíba R$ 3.194
Rio Grande do Norte R$ 3.074
Santa Catarina R$ 2.932 

 

A maior diferença em valor de apólices, contudo, fica entre Santa Catarina e Roraima, dois extremos do Brasil, de acordo com o estudo da TEx. Enquanto no estado sulista o valor médio do seguro custa R$ 2.932, no outro, o preço é quase o triplo, chegando a R$ 8.720.

Segundo Zanatto, o alto preço se deve ao baixo volume de veículos segurados em Roraima, “que reduz a diluição de gastos de cada sinistro no estado e, desta forma, aumenta os custos da seguradora.” Em Santa Catarina, por outro lado, o índice de sinistros é baixo e os motoristas costumam contratar seguro para seus veículos.

Leia: Valores das tarifas do Aeroporto de Brasília vai subir em cerca de 5%

Fonte: Veja

Faça um comentário