Tome cuidado para não ser vítima do empréstimo falso

Em fevereiro deste ano, uma consumidora de Londrina, Paraná, escreveu no Reclame AQUI e contou que quase foi vítima do chamado golpe do empréstimo falso. " Fiz o contato e mandei os documentos incompletos com a última folha de contrato assinada, porém nada autenticado.  Aprovaram mesmo com a falta de documentação" relatou a reclamante.

Apesar de não cair no golpe, a consumidora foi coagida. "Quando solicitei o cancelamento alegaram que já estava em andamento o empréstimo, batido em cartório, e que teria uma multa por quebra de contrato, além de ter sido ameaçada pelo atendente".

Se você desconfiou de um oferta de empréstimo, você deve denunciar! Reclame AQUI!

(Reprodução de anúncios que podem representar perigo)

Já um consumidor de Uberaba, Minas Gerais, não teve tanta sorte. "Eu precisaria depositar a quantia de 5 % sobre o valor que pedi e que, após o pagamento, em 30 minutos o dinheiro estaria em minha conta. Fiz o depósito em quase R$ 7.000,00 e não tive o empréstimo ou muito menos o dinheiro de volta", contou.

Diariamente, os brasileiros são alvos do golpe do empréstimo falso, normalmente vendido como empréstimo fácil. E um dos motivos que explica esses casos é o aumento da inadimplência do consumidor. Nesta segunda-feira, dia 14, o IBGE apresentou um estudo que mostra a queda de 4,5% do comércio varejista. A frágil confiança dos empresários e consumidores, aliada ainda à alta da inadimplência e ao aumento da inflação contribuem para a intensificação do ritmo de queda. E também é um cenário propício para golpistas.

Se você ler algo do tipo: empréstimo pessoal com restrição, espréstimo fácil, e crédito pessoal, cuidado!  Supostas empresas financeiras e profissionais de crédito ou até mesmo pessoas se beneficiam da situação de desespero ou de oportunidade de alguns consumidores ára agirem.

Identifique um possível golpe

- contatos são feitos por telefone;

- fazem a solicitação de depósitos de 5% a 10% antecipados;

- as pessoas que atendem sempre dizem que são diretores, gerentes, advogados etc;

- usam nomes de bancos e financeiras conhecidas, inclusive fazem uso do CNPJ das instituições e falsificam o contrato social que, se pedido, é enviado por email ou fax para o cliente;

Faça um empréstimo com segurança

Antecipar pagamento: Vale lembrar que nenhum banco, financeira ou agentes de crédito solicitam qualquer tipo de taxa ou antecipação de valores para conceder um empréstimo pessoal. Em instituições sérias os contratos geralmente são concedidos diretamente nas lojas de atendimento, também é necessária a apresentação de documentos originais.

DIrija-se a um posto de atendimento físico: Para evitar os golpes, sempre tente se dirigir diretamente à loja ou endereço do suposto banco ou financeira.

Tem restrição e foi aprovado? Se você tem restrição no CPF ou CNPJ e seu empréstimo de de R$ 10 mil ou R$ 500 mil foi aprovado por telefone, sem ver a cara do cliente, pode esquecer!

Documentos: Nunca envie seus documentos por fax ou email para esse tipo de empréstimo.

Faça um comentário