Reclame AQUI e NAB celebram o Natal com muita troca de carinho

Confraternização teve Papai Noel, presentes e a emoção do coral de mães

Ana Paula Cardoso

O Reclame AQUI, há anos cultiva uma relação especial com o Núcleo Assistencial Brasilândia, o NAB. Mais do que ajudar com doações mensais e incentivar as empresas a estarem juntas também, se faz presente no projeto. Esta semana, como já é tradição, aconteceu a festa de Natal, que reúne colaboradores do Reclame AQUI e a família NAB.

Para o CEO Global do reclame AQUI, Mauricio Vargas, o sucesso da empresa está diretamente ligado ao que se faz no decorrer de todo o ano. “Essa caminhada com o NAB é uma responsabilidade que mantemos há mais de 8 anos. E não fazemos apenas uma festa de Natal no mês de dezembro. Entendo que estar ao lado dessas crianças e adolescentes com necessidades especiais é um dever, enquanto vemos a sociedade tratá-los como invisíveis”.

Uma festa especial

Além de ter a visita especial do Papai Noel, que encantou a todos e ainda distribuiu presentes, a confraternização foi regada de muito carinho, emoção e atenção entre mães dos alunos assistidos e a equipe do Reclame AQUI. Teve café da manhã, show de mágica, música, apresentação do coral de mães, dança e recreação.

Emocionada, a fundadora do NAB, Wanda Marolo, agradeceu a parceria de anos. “Vocês não têm noção de como nos sentimos agradecidos. Essa parceria duradoura só nos faz bem, vocês são bênçãos nas nossas vidas. Que Deus abençoe a todos”.

Como ajudar o NAB

O NAB é uma instituição sem fins lucrativos e econômicos, que desde 2005 se dedica a atividades relacionadas com tratamento, reabilitação e inclusão social à criança com deficiência física e mental de origem neurológica.

Na sede, é oferecida assistência gratuita a 121 crianças de 0 a 20 anos, com atendimento nas áreas de: Fisioterapia, Fonoaudiologia, Terapia Ocupacional, Psicopedagogia e Nutricionista.

Você pode ajudar o NAB a ficar ainda melhor no atendimento que dispõe. Quer ser um parceiro e fazer parte dessa história também? Basta clicar neste link! 

Leia tudo sobre

Feed Projeto social

Faça um comentário