Greve dos Caminhoneiros ainda é motivo de 9 mil queixas no Reclame Aqui

Atraso na entrega, estorno do valor pago e mau atendimento são os principais problemas relatados

ReclameAQUI

Mais de um mês depois do fim da Greve dos Caminhoneiros, o Reclame Aqui continua recebendo queixas sobre o tema. Do desfecho da paralisação, 1 de junho, até a última quarta-feira, 4 de julho, foram registradas 9.280 reclamações que citam os termos “greve”, “greve dos caminhoneiros” ou “paralisação caminhoneiros”. Durante a greve, o volume foi de 3.026 queixas. 

Muitos dos consumidores alegam que ainda estão sentindo os impactos da greve na entrega de sua compra mesmo após mais de um mês do término. Liderando as principais reclamações, com 68%, está "atraso na entrega" e "produto não recebido", em seguida, com 4,4 %, "estorno do valor pago", e com 2,3%, "mau atendimento".

Um consumidor de Minas Gerais reclamou que não recebeu o televisor comprado no dia 13 de junho até hoje, dia 5 de julho. "Nem sequer fui informado da situação atual da entrega. A Copa já está acabando e eu sem a TV que comprei para isto. Talvez chegue até a próxima Copa em 2022, ou não!". 

As categorias com mais queixas são: Celulares e Smartphones, Eletroeletrônicos, Eletrodomésticos e Logística/Entrega Rápida.

Ainda não recebeu o produto? Reclame AQUI!

Leia tudo sobre

Atendimento Feed Greve

Faça um comentário