Fragmentos de roedores e insetos são encontrados em canela em pó

Anvisa proíbe comercialização e distribuição de lote do produto da marca Prezunic

Pixabay

Nesta última terça-feira (24), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou no Diário Oficial da União, a Resolução nº 1.020, que proíbe o uso, a comercialização e distribuição da canela em pó da marca Prezunic.

Após uma análise feita pelo Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), da Fundação Ezequiel Dias (Funed), em Belo Horizonte (MG), foram encontrados fragmentos de pelos de roedores e de insetos no lote 31953 do produto.

Segundo a Anvisa, a canela em pó está imprópria para o consumo. Com isso, a empresa CERTA Indústria e Comércio de Alimentos Ltda. está proibida de comercializar e distribuir o alimento em todo o Brasil.

Leia também: Amazon terá opção de entregas no carro do cliente nos EUA

Fonte: O Globo/Encontro

Faça um comentário