Duas semanas após Black Friday, queixas batem recorde desde 2015

Até o 15º dia após o evento de descontos, já foram registradas 34 mil reclamações

Reclame AQUI

Reclame AQUI continua monitorando as reclamações relacionadas à Black Friday 2017, que aconteceu no dia 24 de novembro. Comparando as duas semanas posteriores ao evento, o volume de queixas de 2017 superou os anos anteriores.

Neste ano, até o 15º dia após o evento de descontos, foram registradas 34.493 reclamações. Em 2016, foram 24.840 no mesmo período. Já em 2015, o número foi ainda menor: 23.795.

Como previsto, o atraso na entrega se tornou o problema mais relatado entre os consumidores neste ano. O segundo maior motivo de queixa nestas semanas posteriores foram de produto não recebido e problemas na finalização da compra.

Confira as principais reclamações, ano a ano, referentes às duas semanas após as Black Fridays:

2017

Total: 34 mil reclamações

1. Atraso na entrega

2. Produto não recebido

3. Problemas na finalização da compra

2016

Total: 24 mil reclamações

1. Atraso na entrega

2. Propaganda enganosa

3. Produto não recebido

2015

Total: 23 mil reclamações

1. Atraso na entrega

2. Propaganda enganosa

3. Problemas na finalização da compra

Muitas denúncias, poucos descontos

Durante a cobertura do evento deste ano, o Reclame AQUI não constatou descontos surpreendentes como era esperado, e recebeu muitas denúncias de consumidores sobre sites falsosfretes abusivos e mais caros que os produtos, além do tempo de entrega.

Passou por algum problema? Reclame AQUI!

Leia tudo sobre

Black Friday Feed

Faça um comentário