Dicas especiais para curtir sem erro o Carnaval de rua na sua cidade

Estabelecimentos não são obrigados a aceitar cheques ou cartões como forma de pagamento

ruzanna

Para aqueles que passarem o Carnaval na própria cidade e não abrirem mão da diversão, também devem ficar atentos a algumas dicas. 

Não compre latas de cerveja ou refrigerantes que estejam danificados, perfurados, ou com o lacre violado, você não sabe o que podem ter colocado lá dentro.

Se preferir se vestir a carater, na compra de fantasias, observe as características têxteis do produto como sua composição, tratamento de cuidado para conservação, identificação do tamanho e se as fantasias são laváveis. As máscaras não podem ser fabricadas com material de fácil combustão.

Vai alugar um imóvel no Carnaval? Veja como se proteger de falsos anúncios online

Spray colorido de cabelo, serpentinas, buzinas e cornetas podem apresentar em sua composição alguns resíduos tóxicos e causar riscos à saúde e segurança, se não utilizados da forma correta e adequada.

Por isso, antes de adquiri-los, recomenda-se que o consumidor esteja atento às informações como qualidade, quantidade, origem, composição, preço, prazo de validade, prazo de garantia bem como outros riscos que possam apresentar à saúde e segurança. Também deve ser verificado se o produto possui o selo do Inmetro, órgão que atesta a sua segurança e eficácia. Exija sempre a nota fiscal.

Formas de pagamento

Os estabelecimentos não são obrigados a aceitar cheques ou cartão de crédito como forma de pagamento, desde que deixe claras as formas aceitas. Por isso, a orientação é fazer uma reserva em dinheiro para eventual imprevisto. Alguns locais não possuem caixas eletrônicos nas mediações. É importante o consumidor munir-se de todas as informações sobre o local a ser visitado para evitar constrangimentos.

Veja mais: Como fazer para pagar suas contas no período de Carnaval

Fonte: Folha de Vitória e Big Viagens

Leia tudo sobre

Carnaval Dicas Feed

Faça um comentário