Cobrança indevida de créditos somam mais de 9,3 mil queixas no Reclame AQUI

Clientes pré-pagos das principais operadoras do Brasil alegam que mesmo com o 4G desligado, o telefone continua consumindo os créditos

Reprodução

Com certeza, alguma vez, você já desativou a conexão 4G do seu smartphone para economizar bateria ou até mesmo para evitar o esgotamento do seu pacote de dados, não é mesmo? Mas diversos clientes pré-pagos das principais operadoras do Brasil alegam que, mesmo desabilitando a internet, o telefone continua acessando os dados móveis e consumindo partes dos créditos.

O ReclameAQUI Notícias fez um levantamento e constatou que somente no primeiro semestre de 2018, o volume total de reclamações sobre cobrança indevida de créditos das maiores empresas de telefonia celular somam mais de 9,3 mil queixas de seus consumidores no site do Reclame AQUI. Ou seja, 8% do total de reclamações da categoria Telefonia Celular.  

“A operadora está me cobrando o acesso à internet sem mesmo ter sido usada e alegando que com a tecnologia 4G o aparelho acessa a rede sem a internet estar ativada. Pois bem, eu não utilizo o aparelho na rede 4G e a minha APN não é configurada, tornando o acesso à rede impossível. Não é a primeira vez que isso acontece e sempre estou deixando passar. Já estou cansado!”, relata um consumidor de Belo Horizonte no site do Reclame AQUI.

Outra consumidora, mas desta vez do Rio Grande do Sul, registrou que “gostaria de uma providência referente ao consumo dos meus créditos, todo dia uma cobrança de 1,49 de uso de internet, sendo que em nenhum dia usei”.

O Reclame AQUI Notícias procurou as operadoras Claro, Vivo e TIM, mas somente a Claro e a Oi se posicionaram até o fechamento da matéria.

Posicionamento da Claro

“A Claro informa que somente o tráfego de dados utilizado proativamente pelo cliente é cobrado ou descontado da franquia. Portanto,  não há nenhuma cobrança em caso de desativação da conexão do smartphone.” 

Posicionamento da Oi

“Este pequeno tráfego de dados involuntário, observado mesmo quando o usuário desativa a opção de dados em seu terminal celular, é uma característica inerente à tecnologia 4G. A Oi, possui mecanismos internos para tratamento deste tráfego, evitando que o cliente seja de alguma forma prejudicado.”

Veja também: Uber ganha novas funcionalidades para a segurança de seus usuários
 

Faça um comentário