Cidade convida adeptos do Pokémon Go a capturarem animais abandonados

Iniciativa do Catioro Go feita pela Prefeitura Municipal de Esteio lembra que adoção é coisa séria

Reprodução/Facebook

O Pokémon Go virou febre nos últimos dias. Apesar de criado para entreter os usuários, o aplicativo já serviu até de isca para assaltantes. Mas, dessa vez, a Prefeitura Municipal de Esteio, no Rio Grande do Sul, usou a ideia do jogo para fazer um convite aos moradores da cidade: ajudar animais abandonados brincando de “Catioro Go”.

A brincadeira foi divulgada em uma postagem da página realizada na última terça-feira, dia 19, através do Facebook. O texto da publicação diz: “Enquanto Pokémon Go não chega ao Brasil, desenvolvemos o Catioro Go! Temos muitos bichinhos em nosso Canil Municipal, com diferentes habilidades, aguardando por um treinador que possa lhes dar muito carinho e ajudá-los a evoluir“.

Os interessados podem capturar os seus catioros no canil da cidade, localizado na Avenida Luiz Pasteur, 7275 (Bairro Três Marias). O estabelecimento funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Adoção é coisa séria

A ideia foi apenas uma brincadeira, já que não existe um app para fazer a “captura” dos animais. Mesmo assim, a prefeitura da cidade adverte que, apesar da maneira divertida como foi anunciada, a adoção é coisa séria.

Eles também dão uma dica importante para cuidar dos bichinhos: “ao contrário dos pokémons, os catioríneos não devem ser usados em batalhas; não guarde seu catioríneo em esferas de metal: por menor que ele seja, precisa de espaço para se divertir“.

Muito interesse, pouca ação

Segundo informações da Prefeitura, o número de interessados aumentou bastante desde o lançamento do post no Facebook, mas ainda não foram registradas adoções no canil, que conta com 25 cachorrinhos esperando por um lar.

Na hora de levar um amigo pra casa, é preciso levar RG, comprovante de residência e assinar um termo de adoção. Os cãezinhos só serão entregues a pessoas maiores de idade e já vão castrados e vacinados para o seu novo lar. 

Fonte: Hypeness

Faça um comentário