Black Friday acumula 650 reclamações durante a madrugada

Magazine Luiza, Kabum! e Americanas Online lideram o ranking das empresas

Reclame AQUI

O plantão do Reclame AQUI durante a Black Friday registrou aumento de hora e hora nas reclamações desde o início do monitoramento. Das 18h de quinta-feira, dia 23 até as 5h30 desta sexta, dia 24, foram registradas 651 reclamações. A faixa horária com mais queixas foi a da meia-noite até 1 da manhã, com 90 ocorrências. 

Entre as empresas que aparecem entre as mais reclamadas, Magazine Luiza - Loja Online lidera com 68 queixas. Na segunda colocação, com 38 reclamações, está a KaBuM!, seguida da Americanas.com - Lojka Online, que teve 24 até este levantamento.

O plantão que monitora as 24 horas do evento começou às 18h desta quinta-feira, dia 23, e mede apenas as reclamações feitas para a Black Friday no Reclame AQUI

Motivos de queixas

O maior motivo de queixa até agora foi propaganda enganosa, com 15,5% dos casos. Já divergência de valores e problemas na finalização da compra foram os demais motivos que mais apareceram nas reclamações.

Celulares e TVs lideram

Entre os produtos que mais causaram problemas neste início de Black Friday estão os smartphones e celulares, que representam 4,5 % das reclamações, Já as TVs aparecem em segundo lugar, com 4,1%, e perfumes, com 3,7%.

O Reclame AQUI vai registrar as reclamações das 18h de quinta, dia 23 até a meia-noite de sexta, 24, para sábado, dia 25.

Em 2016, o Reclame AQUI apurou 2,9 mil reclamações durante o plantão, sendo que 22% das queixas foram de propaganda enganosa. Um ano antes, foram 4,4 mil queixas e, mais uma vez, propaganda enganosa foi o principal motivo de reclamação, com 36,2%

Caso você tenha algum problema durante esta Black Friday, já sabe! Reclame AQUI!

Leia tudo sobre

Black Friday Feed Ranking

Faça um comentário