3 passos para você identificar um site falso na Black Friday!

Conferir com atenção o nome do site, por exemplo, é um bom começo para evitar cair em golpes durante a sexta-feira de super promoções

Reclame AQUI

Há poucos dias da Black Friday 2020, muitos cibercriminosos já atuam aplicando golpes por e-mail, mensagens de SMS ou WhatsApp e até disseminando falsos sites na internet. Mas existem algumas formas simples de descobrir se uma página ou site se trata de um golpe.

Para começar, geralmente as páginas falsas usam o nome de grandes marcas com cópias quase perfeitas dos sites originais e preços bem abaixo do comum. Ter as URLs (endereços) alteradas com letras diferentes, números e até usando os nomes dos mascotes das marcas podem fazer parte dessa “maquiagem” para atrair o consumidor. 

Confira algumas dicas para ficar esperto logo de cara e quando ficar com o pé atrás!

 

1º Sempre confira o endereço do site


Veja se o “www.nomedosite.com.br” está correto, como o original que você conhece. Confira se está sem letras de outros alfabetos, números ou palavras que façam alusão à marca, confundindo.

 

2º Desconfie de promoções exageradas


Fique com o pé atrás ao ver produtos com preços muito abaixo do que você já tem pesquisado. Os que geralmente são muito caros não costumam ser vendidos com valores tão baixos, como abaixo da metade do valor, por exemplo!

 

3º Evite sites que oferecem o pagamento somente por boleto bancário


Pessoas mal intencionadas utilizam dessa prática principalmente na Black Friday para receber o dinheiro do consumidor com rapidez e não entregar o produto prometido. Um site seguro oferece diversas formas de fazer a compra, incluindo parcelamento.

Pesquisou bem e ainda em dúvida? Entre em contato com a empresa através dos canais oficiais para confirmar a promoção.

Caso você enfrente qualquer problema durante a Black Friday, Reclame AQUI!

Faça um comentário