Consumidora dos EUA encontra objeto estranho em água de coco

Vita Coco acredita que se trata de uma deterioração típica dos alimentos

Reprodução

Uma consumidora de Nova Iorque, nos EUA, teve uma surpresa assustadora ao abrir um recipiente de água de coco. Depois de ficar doente após ingeri-la, Barbara Kline encontrou algo desconhecido e bem nojento no produto, como uma espécie de polvo.

“Quando tomei um gole grande, engoli um pedaço de algo”, contou a consumidora ao BuzzFeed News. “O sabor era muito espesso, era nojento”. Ela explica que então checou a garrafa para ver se não havia comprado por engano o produto com algum tipo de sabor.

Quando constatou que era de fato, sem sabor, despejou o conteúdo e viu que a água tinha uma cor completamente diferente. "Depois que abri, ouvi coisas balançando dentro. Pensei então, "isso não soa bem". Peguei uma faca e foi quando descobri aquelas coisas que pareciam polvos”. 

O que a empresa disse

Um porta-voz da Vita Coco, marca do produto, disse que a empresa acredita que o objeto é mofo e acha que é "altamente improvável" representar um risco para a saúde.

“Vita Coco é uma bebida livre de conservantes feita a partir de ingredientes naturais. Mas a consumidora ainda tem que nos retornar o produto para testes, isso parece uma deterioração típica dos alimentos", disse Arthur Gallego, diretor global de comunicações corporativas da empresa. "O produto desta consumidora provavelmente foi aberto, mal refrigerado ou danificado”, acrescentou.

De acordo com o site da empresa, Vita Coco é estável por até um ano e deve ser refrigerado e consumido dentro de 24 a 48 horas após a abertura. A consumidora afirma que tinha comprado a água de coco menos de uma semana antes e tinha seguido as diretrizes da empresa para a refrigeração. Ela confirma que até "ouviu o clique" ao abri-la, indicando que a embalagem estava lacrada.

Kline disse, ainda ao BuzzFeed News, que teve vômitos, diarreia e um ataque de asma desde que consumiu a água de coco. "Eu não tive um ataque de [asma] como este em 10 anos. Agora, de repente eu tenho um?", indagou.

Evidência única

A empresa pediu que a consumidora enviasse o objeto estranho para análise. Mas a consumidora afirma que não vai entregá-lo, pois planeja processar a marca, e esta seria a única evidência que tem do caso. "O dinheiro não é nada para mim agora. Minha saúde é mais importante", disse.

Kline não é foi a única que encontrou objetos estranhos em recipientes de Vita Coco. Várias pessoas já postaram fotos e vídeos de suas descobertas online desde pelo menos 2011.

Fonte: BuzzFeed News

Leia tudo sobre

Alimentação Polêmica

Faça um comentário